Dias 37, 38 e 39 - 17 a 19 de Março de 2016

Queridos amigos, a cadeia que se gerou com o alerta de pedido de emprego foi algo de maravilhoso mesmo: recebemos mais de 20 contactos com ofertas. Tudo para salvar a vida de um bebé! No entanto recebemos ontem esta dolorosa noticia que vos deixo:

"Ainda de coração a sangrar partilho convosco: ligou-me um pai a pedir perdão pela sua companheira que acabara de abortar...

pergunto-me agora: em que falhámos?

Rapidamente sossego para me voltar a inquietar novamente: .... não falhámos, foi a maldita da falsa liberdade, do egoismo, da falta de Amor e da cegueira do pecado, instalados hoje em dia nas mentes e nos corações!!!

Eles têm pouco mas têm quase tudo o que faz falta, e nós até já tinhamos emprego bom para os dois, enxoval para o bebé e roupinhas para o irmão de 10 meses.

Rezámos por eles, rezámos com eles e por eles continuaremos a rezar...

Eles optaram por matar este filho, Nosso Senhor permitiu para que seguramente esta morte venha a dar sentido ás suas vidas e se convertam... assim queiram!

Eles, como já devem ter percebido, são o casalinho pelo qual lançámos um pedido de ajuda na procura de emprego e no qual obtivemos um numero enorme de respostas simpáticas e muito generosas!

Eles sabiam da ajuda oferecida, fui-lhes contando, "mas ficámos cegos..." dizem-me agora !!!

Muito obrigado a todos, não desistiremos de propor ajuda, de pedir ajuda, de rezar por toda a ajuda e por quem ajuda!
Estamos em Missão ao serviço do Senhor, e muitas vezes não entendemos o seu "timing", mas estamos e confiamos!
OBRIGADO A TODOS, agradeço de coração, e que Seja louvado Nosso Senhor Jesus Cristo e para sempre seja louvada a Sua e nossa Mãe Maria Santissima."

ana
(Missão Mãos Erguidas)

Também aproveito para partilhar um comovente testemunho que nos chegou de uns voluntários dos 40 dias pela Vida e que pedem as orações de todos:

"Bom dia. Obrigado pelas notícias que nos vão fazendo chegar. Aproveito para partilhar convosco e pedir a vossa unidade e oração para o momento que eu e a minha mulher temos vivido desde a passada 3a feira.
Oferecemos pelos 40 dias pela vida, por cada vida, por cada mãe.

Queremos Partilhar convosco a nossa pequena história que começou há muito pouco tempo pedindo a vossa unidade e oração. Há uns dias soubemos que o nosso primeiro filho de 23 semanas, o J., sofre de espinha bífida. Naquele momento foi como se o chão se abrisse e ficássemos no vazio. Porquê? Ao mesmo tempo foi como que o Senhor se mostrasse a nós e nos pedisse um Sim maior. Porque não a nós? Depois de um dia de trevas, sentimos agora a plenitude e o amor infinito de Deus, das nossas famílias e amigos, apesar de sabermos que tudo pode acontecer, como e quando Deus quiser. Sabemos que não é o caminho mais fácil. Sabemos que a nossa vida mudou e vai mudar, tudo está a começar e estamos perante um livro de páginas em branco. Continuamos a pedir o milagre da sua cura, pedindo a todos vós uma corrente de oração, contudo queremos que se faça a vontade de Deus. Já amamos tanto o J estamos ansiosos por tê-lo nos braços e toda a equipa médica que vai trabalhar connosco! Um abraço! Viva a vida!"

no mundo: eua  espanha  inglaterra 

Plataforma 40 dias pela Vida Portugal. Joomla 3 Templates